GATOS

Como ensinar ao gato a não arranhar móveis da casa

por Equipe de Comunicação
|
Compartilhe:

Ao adotar um gatinho, é importante que você saiba como enriquecer o ambiente em que ele viverá, afinal, esses animais têm diversas necessidades que devem ser respeitadas para garantir o bem-estar e a qualidade de vida deles.

Por exemplo, afiar unhas, demarcar território, alongar-se e exercitar-se são alguns comportamentos naturais da espécie.

No entanto, eles não precisam destruir os móveis com as suas garras afiadas para que exerçam seus instintos naturais. Isso porque o mercado pet conta com inúmeros tipos de arranhadores para enriquecer o ambiente do amigo de quatro patas.

Introduza o arranhador no dia a dia do pet

Existem diversos tipos desse importante acessório para quem tem um gatinho. Em um primeiro momento, é importante testar diferentes modelos, de diferentes materiais, formatos e tamanhos para identificar o preferido do seu gato.

Se colocado em lugares estratégicos, os arranhadores se tornam a atração preferida dos bichanos. Para acertar, procure deixá-los próximos dos lugares que seu gatinho mais goste, como perto do local da soneca, pois eles adoram acordar, se espreguiçar e arranhar logo em seguida.

Para acostumar o seu gato a arranhar somente os objetos feitos para isso, sempre que ele o fizer, dê muito carinho e petiscos. Dessa forma, o animal associará o local com algo positivo. Também é interessante borrifar feromônios específicos nos arranhadores ou até mesmo catnip (conhecida como a erva do gato) que atrairá o animal para lá.

Objetos proibidos

Agora que seu pet já entendeu onde ele pode arranhar, está na hora de mostrar onde ele não pode! Para isso, borrife feromônio facial felino sintético, em spray, diariamente sobre o lugar proibido. Além disso, também é interessante criar situações desconfortáveis sem que o gato as associe a alguma pessoa. Por exemplo:

  • Fitas adesivas dupla face: cole-as sobre os objetos que ele não pode arranhar. Isso dará uma sensação de desconforto, pois os gatinhos não gostam de superfícies grudentas.
  • Repelentes de ambiente: este recurso é ótimo para evitar que os gatos arranhem os móveis.

Se o seu gatinho adora arranhar tudo, teste as dicas e venha nos contar se elas deram certo. Se precisar, conte com ajuda profissional para ensiná-lo!

Fonte: Livro Os segredos dos gatos, do Alexandre Rossi. 

Encontre por tipo de Mídia:


Live nas mídias sociais da Veja SP

https://www.facebook.com/vejasp/videos/10156808...

Veja a live que Alexandre Rossi participou nas mídias da Veja SP, tirando algumas das dúvidas mais frequentes dos tutores.

Alexandre dá dicas sobre animais ansiosos

https://www.facebook.com/Alexandreprossi/videos...

Assista a live que o especialista preparou para tirar dúvidas de tutores.

Como contar os anos de vida de cães e gatos

vejasp.abril.com.br...

Sabemos que a expectativa de vida dos pets não acompanha a dos humanos. Será que é possível fazer uma previsão?

SE VOCÊ É UM DONO: FESTEIRO

FESTAS...

Mantém a casa sempre movimentada? A melhor saída é buscar cães de companhia, mais tranquilos e menos territorialistas, como o golden retriever, o labrador, o spitz alemão, o maltês, o shih tzu, o west highland white terrier e o lhasa apso.

Pets e crianças com necessidades especiais

Alexandre Rossi conta os benefícios que os animais trazem para a vida de uma criança especial.

Como adotar um cão?

Adotar um animal é um ato de amor e compaixão, mas que precisa ser bem pensado. Descubra mais com Alexandre Rossi.

Como estimular os gatos a beberem mais água?

O Dr. Pet explica a importância da água para os felinos e dá dicas para estimular a sua ingestão.

Pets que ajudam na educação das crianças

Deixar que as crianças realizem tarefas relacionadas ao bichinho de estimação pode ser uma ótima ideia para ensiná-los a ter responsabilidade.

Alexandre e Estopinha no programa Rock a 3

Ouça a entrevista do especialista na rádio Kiss FM.

Campanha reforça a presença do veterinário no núcleo de apoio à saúde familiar

O CRMV criou a campanha “Saúde é uma só” com o intuito de incluir o médico veterinário em ações de prevenção à saúde voltadas às famílias.

Como e quando usar recompensas para treinar cães e gatos?

Entenda a importância do reforço positivo para a boa convivência do pet com a família!

O melhor tipo de tosa para o seu cachorro

Conheça mais sobre recorte e tintura canina e saiba que cuidados ter na hora da tosa.

Alexandre para revista Contigo: adestrar para melhorar a convivência no lar

https://contigo.uol.com.br/

Veja a coluna da Cãotigo de agosto.

SE VOCÊ É UM DONO: AVENTUREIRO

AVENTUREIRO

Algumas raças indicadas são o border collie, o beagle, o labrador e o golden retriever.

SE VOCÊ É UM DONO: AGITADO

AGITADO

Vale procurar raças mais independentes, como o akita, o husky siberiano, o chow-chow e o pug.

SE VOCÊ É UM DONO: CARENTE

CARENTE

o labrador, cocker e o yorkshire adoram um cafuné e trocam tudo para deitar nos pés de seus tutores.